Última Hora: "PJ faz buscas na Câmara de Lisboa por suspeitas de corrupção em vários projetos urbanísticos - Observador" Tue, 20 Apr 2021 12:57:44 GMT    "Aranda da Silva acredita que EMA dê parecer favorável a vacina da Johnson & Johnson - RTP" Tue, 20 Apr 2021 07:16:50 GMT    "Portugal com mais 424 casos de covid-19 e 5 óbitos - Jornal de Negócios" Tue, 20 Apr 2021 13:06:51 GMT    "Voo Lisboa - Porto desnecessário quando viagem de comboio demorar 1.15 horas - Jornal de Notícias" Tue, 20 Apr 2021 15:01:00 GMT    "Montijo ou Alcochete: ANA diz que lhe é indiferente a solução - Jornal de Negócios" Tue, 20 Apr 2021 12:10:56 GMT    "Fim do estado de emergência? "É uma análise diária" - Diário de Notícias - Lisboa" Mon, 19 Apr 2021 12:57:00 GMT    "Altice Portugal diz que não aceitará renovação do contrato do SIRESP por seis meses - Sol" Tue, 20 Apr 2021 07:41:55 GMT   "Agência Europeia de Medicamentos apoia vacina da Janssen, com aviso sobre tromboses - PÚBLICO" Tue, 20 Apr 2021 14:38:31 GMT    "Benfica tenta ser um dos convidados da Superliga Europeia - Notícias ao Minuto" Tue, 20 Apr 2021 06:20:00 GMT    "Resposta à pandemia e sustentabilidade dominam Cimeira Ibero-Americana - RTP" Mon, 19 Apr 2021 21:48:01 GMT      Para mais notícias, clique aqui.

Área de Acesso
       
       
Lembrar Sempre 
(Login BolsaPT & Canal Forex)


Bem vindo ao Bolsa PT - Inside Forum & Portal de Bolsa.
Bem vindos ao Fórum do Portal BolsaPT! Inscrevam-se e participem na nossa comunidade, poderão pedir opiniões e Análises Técnicas às vossas acções, colocar dúvidas, aprender, partilhar ideias, ajudar outros, etc. Além das cotações, gráficos, análise técnica interactiva, históricos, terão simulação de carteiras, alarmes, e muito mais virá no futuro. Lembre-se que se pode logar com o seu login CanalForex!


Fórum Geral Fórum dedicado a assuntos da nossa Bolsa de Valores em Geral, as vossas carteiras, rumores nas salas de mercados, dúvidas sobre Bolsa e investimentos.

Responder
 
Opções
  #1  
Velho 15-09-2008, 12:25
Avatar de Crashh
Crashh Crashh encontra-se desligado
Just myself
 
About:
Data de Adesão: Jul 2007
Mensagens: 1.246
Por Defeito Lehman Brothers declara falência

Citar:
Lehman Brothers declara falência

O banco de negócio norte-americano Lehman Brothers, um dos maiores do país, anunciou que se iria declarar esta segunda-feira em falência, com vista a proteger os seus activos e maximizar o seu valor. Na sequência deste anúncio, as bolsas internacionais iniciaram as sessões de hoje com quedas acentuadas, face à incerteza do sistema financeiro.


O banco perdeu cerca de 3,9 mil milhões de dólares (2,7 mil milhões de euros) no terceiro trimestre do ano, depois de ter sido obrigado a importantes depreciações nos seus activos devido à crise no mercado imobiliário.


A declaração de falência surge depois de tentativas falhadas do Lehman Brothers de encontrar um comprador, depois do banco britânico Barclays, o último interessado, se ter retirado da corrida no domingo.

Em comunicado divulgado hoje, o banco Lehman Brothers acrescentou que a declaração de falência, aprovada pela direcção, iria ser apresentada esta segunda-feira na Câmara de Falências para o distrito sul de Nova Iorque.

A nota realça que os clientes do Lehman Brothers, incluindo os clientes da sua filial Neuberger Berman Holdings, 'poderão continuar a negociar os seus títulos e a tomar as decisões que acharem por bem relativamente às suas contas'.

BCE INJECTA CAPITAL NA ZONA EURO

Numa reacção ao anúncio de falência, o Banco Central Europeu (BCE) divulgou, esta manhã, estar a proceder a uma injecção de capital na Zona Euro, com vista a evitar a desestabilização dos mercados europeus.
BOLSAS EM QUEDA

O anúncio da falência da Lehman Brothers, e a compra da Merrill Lynch, a maior corretora mundial, pela Bank of America, por 50 mil milhões de dólres, provocou hoje quedas acentuadas nas bolsas europeias e asiáticas, face à incerteza sobre o futuro do sistema financeiro internacional e norte-americano.

A Euronext Lisboa abriu hoje em queda acentuada, com o índice PSI20 a cair 2,49 por cento para 8.148,31 pontos, acompanhando as quedas nas bolsas asiáticas e europeias. Na sexta-feira, a bolsa portuguesa fechou em alta, com o PSI20 a recuperar 1,38 por cento para os 8.356,23 pontos.

Nas bolsas europeias, Paris está a liderar as perdas ao cair 3,44 por cento. Frankfurt e Londres recuavam 2,88 por cento, Madrid 2,78 por cento e Lisboa 2,50 por cento.

Na Índia, o índice Sensex caiu 5,6 por cento, perdendo 778 pontos para 13.222, na sequência das notícias de falência do banco norte-americano. A bolsa de Taiwan também fechou a sessão em queda, a perder 4,09 por cento, para 6.052,45 pontos.
In [url=http://www.correiomanha.pt/noticia.aspx?channelid=00000021-0000-0000-0000-000000000021&contentid=D950219C-EF2E-468D-8AA7-08988FC515DE]CM[/url]

Ontém não vi notícias para por aqui, mas hoje já existem.

Fico com pena deste banco falir assim, a Merril Lynch lá se conseguiu safar, não percebo como é que o FED deixou cair assim um banco com tanta história de perto de 160 anos, apesar de ter salvo outros não tão prestigiados. O Barclays esteve interessado na sua compra mas o FED não lhe ofereceu garantias para se proteger contra possíveis perdas com o mesmo, e por isso acabou por se afastar à última da hora.

E assim se foi mais um a juntar-se à lista já grande de bancos a falirem nos USA. É o começo da era negra da nova grande recessão...

Responder com Quote
  #2  
Velho 16-09-2008, 04:22
Avatar de Crashh
Crashh Crashh encontra-se desligado
Just myself
 
About:
Data de Adesão: Jul 2007
Mensagens: 1.246
Por Defeito

Bem aqui ficam algumas recordações para a História:




Algo bastante mais complexo, a música até nos faz esquecer da desgraça:




Os efeitos no mercado:




É pena que isto acontecesse a este banco, nunca imaginei que fosse assim desta forma.
Início de Novo Tópico
Responder com Quote
  #3  
Velho 06-10-2011, 10:53
the business the business encontra-se desligado
Novato
 
About:
Data de Adesão: Sep 2011
Mensagens: 16
Por Defeito

O que devia declarar falencia agora era as agencias financeiras, vinha mesmo em boa altura.

Esta na altura de fazermos e desenvolvermos as nossas agencias (tanto em portugal como na europa) com padroes internacionais.

Isto de andar a ser sempre avaliado pelos mesmos anda a lixar muita gente, ate porque se as agencias fossem chinesas nem sei qual ia ser o alfabeto de avaliacao as contas dos estados unidos.
Responder com Quote
  #4  
Velho 06-10-2011, 12:28
Luca$Garrido Luca$Garrido encontra-se desligado
Novato
 
About:
Data de Adesão: Oct 2011
Mensagens: 15
Por Defeito

Mercados no Mundo

Mercados Ontem

O composto europeu Stoxx 600 encerrou a sessão em alta de 3,08%, alcançando 224,15 pontos, acabando com uma sequência de 3 dias de quedas. O desempenho do índice foi influenciado pelos rumores, que ganharam força com declarações da chanceler alemã, Angela Merkel, de uma ação coordenada dos ministros de Finanças da União Europeia para recapitalizar os bancos europeus em dificuldades, afastando o impacto do rebaixamento do rating da Itália em três níveis pela agência de classificação de risco Moody’s.

As bolsas americanas fecharam em alta, impactadas pela divulgação dos dados sobre a atividade no setor de serviços e geração de empregos, que vieram acima das expectativas dos investidores. Além disso, as declarações feitas pelas autoridades europeias se comprometendo a garantir a liquidez do sistema financeiro europeu contribuíram para a melhora do ânimo dos investidores norte-americanos.

Mercados Hoje

Investidores otimistas com a possibilidade de que os ministros das finanças, assim como os líderes da zona do euro entrem em comum acordo para recapitalizar os bancos da região, trazendo mais credibilidade ao sistema financeiro europeu. O presidente da Comissão, José Manuel Barrosso, disse que estão prontos para essa ação coordenada, e a chanceler alemã, Angela Merkel, disse que apoia a recapitalização dos bancos europeus.

Mercados também aguardam a decisão do BCE sobre a taxa de juros da região. Investidores seguem esperançosos com medidas de alívio monetário para reanimar a economia da região, tento evitar uma recessão eminente. O BC Inglês manteve a taxa de juros inalterada, porém aumentou o seu programa de recompra de títulos de 75 bilhões de libras para 275 bilhões. Assim, o composto europeu avançava 1,88% liderado pelo setor financeiro, que avançava 3,3%, e os futuros do S&P avançavam 0,9%.

No campo das divulgações econômicas na Europa, ainda é aguardada a decisão do BCE sobre a taxa de juros, com expectativa de manutenção dos juros, porém com alguns economistas e analistas já apostando em redução dos juros nessa reunião. Na Alemanha, foram divulgados os pedidos de fábricas de agosto, que na comparação mensal mostrou recuo de 1,4% contra esperado pelo mercado de estabilidade. Na comparação anual os pedidos tiveram alta de 3,9% contra esperado de alta em 4,7%.
A produção industrial na Espanha mostrou recuperação em agosto frente a agosto do ano passado, o índice avançou 0,3% contra esperado pelo mercado de queda em 4,7%. Na comparação com julho desse ano o índice avançou 0,6%. Na Itália a Moody’s rebaixou a nota de bancos em até 3 notas, os ratings de longo prazo do Intensa Sanpaolo e UniCredit foram cortados para A2 de Aa3, enquanto a nota do Banca Monte dei Paschi di Siena foi rebaixada para Baa1 de A2.

Fechamento Ásia

Após o feriado das bolas em Hong Kong, os mercados asiáticos finalmente deslancharam com otimismo sobre suporte à economia europeia e seu sistema financeiro, encerrando a sessão em forte alta. O composto da região subiu 3,21% liderado pela bolsa de Hong Kong, que avançou 5,67%. Otimismo com as recentes altas nas Europa e nos EUA, além da divulgação dos dados econômicos norte-americanos melhores que o esperado ontem (05) e expectativas de que o BCE afrouxe a sua política monetária no término da reunião hoje foram os fatores que deram suporte para a alta das bolsas da região.

Destaques Agenda

A agenda norte-americana começa a ser divulgada às 09h30 com os novos pedidos de seguro desemprego da semana passada, com esperado em 410 mil. Para os pedidos de seguro desemprego o esperado é em 3.725 mil. Ainda sem horário definido será divulgado as vendas das lojas em cadeia de setembro. Amanhã os destaques ficam com os dados do payroll de setembro, estoques no atacado e crédito ao consumidor.

Na agenda local, às 08h foi divulgado o IGP-DI de setembro, que ficou em alta de 0,75% contra esperado de alta em 0,66%. Mais tarde às 10h30 será divulgado pela Anfavea, a produção e vendas de veículos de setembro. E às 11h a CNI divulga a utilização da capacidade instalada de agosto, com esperado pelo mercado em 82,1%. Amanhã o destaque fica com a divulgação do IPCA do mês passado.

Brasil

Mercados Ontem

A bolsa brasileira fechou com alta de 0,65%, aos 51.013 pontos, máxima de 51.199 pontos, mínima de 50.209 pontos, com um giro financeiro de R$ 5,89 bilhões.

Em dia de fraca agenda econômica local, o índice brasileiro acompanhou a movimentação das bolsas internacionais. As declarações da chanceler alemã, Angela Merkel, associadas à divulgação de dados econômicos da economia norte-americana, que vieram melhor do que o esperado pelos investidores, ajudaram a acalmar o nervosismo dos últimos pregões.

As principais blue chips brasileiras terminaram o dia em direções divergentes, influenciadas pelos preços das commodities no mercado internacional, a exemplo do petróleo que subiu após a divulgação de redução dos estoques dos EUA, e dos metais básicos, que fecharam próximos a estabilidade. As ações ON e PN da Petrobrás recuaram 1,69% e 1,83%, respectivamente. Já os papéis ON e PNA da Vale avançaram 2,07% e 2,25%.

Fluxo Bovespa

Os investidores estrangeiros ingressaram no dia 03 de outubro, segunda-feira, R$ 204,14 milhões na Bovespa, quando o índice fechou em queda de 2,93%, abrindo o mês com superávit. Já no acumulado do ano, os investimentos estrangeiros apresentam saldo negativo de R$ 155,98 milhões. Já os investidores Pessoa Física ingressaram R$ 127,11 milhões na Bovespa na abertura de outubro (03). No acumulado do ano, o saldo de pessoa física apresenta déficit de R$ 4,906 bilhões.
Responder com Quote
  #5  
Velho 06-10-2011, 12:30
Luca$Garrido Luca$Garrido encontra-se desligado
Novato
 
About:
Data de Adesão: Oct 2011
Mensagens: 15
Por Defeito

Mercados Hoje

Em um triste dia para os mercados financeiros, e também para o mundo, que lamente a perda de Steve Jobs, os investidores se seguram na esperança de uma saída positiva para a crise de déficit europeia e resgate do sistema financeiro da região. Assim o otimismo com essas expectativas deverá ser o tom do mercado hoje. Com o payroll de setembro a ser divulgado amanhã, no final da tarde algumas posições compradas com lucro poderão ser desfeitas, podendo ocasionar uma realização das recentes altas.

 Copel – Segundo o jornal “Valor Econômico”, a Secretaria de Meio Ambiente do Estado do Mato Grosso liberou ontem (5) a Copel a prosseguir com a construção da usina hidrelétrica de Colíder, no rio Tele Pires, com potência de 342 MW e custo equivalente a R$ 1,6 bilhão. As obras haviam começado em março e embargadas há 2 semanas pelo Ministério Público Estadual do Mato Grosso do Sul, devido a irregularidades nos setores de engenharia e meio ambiente. De acordo com a companhia, o MP definiu metas para compensar o impacto social e ambiental na região, que devem ser concluídas neste mês. A notícia é marginalmente positiva para os papéis da companhia, contudo, deve-se esperar maiores informações financeiras das condições impostas pela Copel.

 Eletrobrás – De acordo com o jornal “Valor Econômico”, a Eletrobras está focado em entregar até o dia 21 a proposta de compra para participar da disputa pela aquisição de 21,5% do capital da Energias de Portugal (EDP), fatia avaliada em US$ 2 bilhões e colocada a venda pelo governo português, que detém 25% da companhia. A disputa deve ser acirrada, com a participação de grandes players globais, como a francesa EDF, a GDF Suez Internacional, a alemã RWE e a chinesa Three Gorges Corporation. O interesse da estatal na companhia consiste na tecnologia eólica, já que a EDP é a terceira maior produtora de energia eólica do mundo, com capacidade de produção equivalente a 6 GW. A companhia possui um valor de mercado equivalente a € 8,6 bilhões e fechou 2010 com uma dívida líquida de € 16,3 bilhões e lucro líquido de € 1,1 bilhão. A notícia é de cunho informativo e não deve impactar sobre os ativos da companhia.

 Iochpe Maxion– A companhia anunciou ontem (05/10), através de um fato relevante, que o seu conselho de administração aprovou a aquisição de 100% do capital social da companhia americana “Hayes Lemmerz International”, empresa que atua em cinco continentes do mundo no setor de produção de rodas de aço e alumínio para veículos comerciais, por meio de uma operação de US$ 725 milhões. De acordo com o comunicado, a aquisição, que ainda deverá ser julgada pelos órgãos reguladores, deverá adicionar uma capacidade produtiva para a empresa em 63,4 milhões de rodas por ano. Acreditamos que a notícia seja positiva para as os papéis da Iochpe Maxion, à medida que a incorporação das atividades da “Hayes Lemmerz International” amplia em aproximadamente 25% o volume de produção de rodas automotivas da companhia brasileira.

 Light – De acordo com o jornal “Valor Econômico”, o presidente da Light, Jerson Kelman, confirmou ontem (5) o interesse da companhia em participar do capital do consórcio da usina de Belo Monte, projeto superior a R$ 20 bilhões, entretanto, o executivo não comentou de que forma se daria a entrada de capital. Rumores do mercado já cogitavam que a Light e a Cemig assumiriam 10% do projeto em conjunto. A notícia é de cunho informativo e não deve impactar sobre os preços dos ativos.

 Marfrig – As agências de rating “Standard & Poors” e “ Fitch Ratings” afirmaram ontem (05/10) que o frigorífico brasileiro possui recursos suficientes para honrar suas dívidas, após especulações quanto a um possível calote da companhia iniciada pelos fortes prejuízos no segundo trimestre de 2011 e a elevação dos rendimentos da dívida em dólar da Marfrig, que aumentaram 1.201 pontos bases desde o final de julho/11. Acreditamos que a notícia é positiva para os papéis da companhia, à medida que amenizam as preocupações dos investidores quanto à alavancagem da empresa.

 Pão de Açúcar – Segundo a Agência Estado, a Rallye, controladora do grupo Casino (terceiro maior varejista francês em vendas) anunciou o aumento da participação na Companhia Brasileira de Distribuição (CBD – Grupo Pão de Açucar), maior varejista do Brasil de 45,9% para 48,1%. De acordo com a Rallye, o grupo está “confiante e comprometido com o Brasil e o Grupo Pão de Açucar”, em documento registrado no órgão regulador do mercado acionário francês. A notícia é de cunho informativo e não deve impactar sobre o preço dos ativos.

 Petrobrás e Vale – Segundo uma notícia vinculada ao jornal “Estado de São Paulo”, a parceria formada entre as unidades de negócios “Vale Soluções em Energia (VSE)” e “ Petrobrás Biocombustíveis”, deverão fornecer cerca de 350 mil litros de etanol hidratado para a “Estação Antártica Comandante”, base brasileira de pesquisa e desenvolvimento localizada na Antártica há 30 anos. De acordo com os executivos de ambas as companhias, o projeto que prevê investimentos iniciais de R$ 2,5 milhões servirá para analisar o uso de biocombustíveis em situações climáticas extremas. As informações são de cunho informativo, não devendo impactar nos preços das ações das empresas.

 TAM – De acordo com um artigo vinculado à agência de informações “Bloomberg“, o órgão antitruste da Espanha aprovou na quarta-feira (05) a fusão entre a companhia aérea chilena LAN e a empresa de aviação TAM. Além disso, segundo um artigo publicado no jornal “Valor Econômico”, ambas as companhias divulgaram ontem (05), através de um comunicado ao mercado, que estimam que a fusão entre as operações das duas empresas resultem em uma economia anual de US$ 390 milhões, caso as condições impostas pelo Tribunal de Livre Concorrência do Chile sejam cumpridas. As informações são positivas para as ações da TAM.
Responder com Quote
  #6  
Velho 06-10-2011, 12:31
Luca$Garrido Luca$Garrido encontra-se desligado
Novato
 
About:
Data de Adesão: Oct 2011
Mensagens: 15
Por Defeito

Caros,

Me add no msn e no e-mail.

[email]lucasgarridoinvest@hotmail.com[/email]

[email]lucas.garrido@eum.com.br[/email]
Responder com Quote
  #7  
Velho 06-10-2011, 12:53
Luca$Garrido Luca$Garrido encontra-se desligado
Novato
 
About:
Data de Adesão: Oct 2011
Mensagens: 15
Por Defeito Exportações

Exportações de celulose crescem 15,8% em agosto
Por Stella Fontes | Valor
SÃO PAULO - As exportações brasileiras de celulose cresceram 15,8% em agosto, na comparação com igual período do ano passado, para 785 mil toneladas, segundo dados divulgados nesta quarta-feira pela Bracelpa, entidade que representa o setor. Frente a julho, a alta é de 22,5%.
No acumulado dos oito meses do ano, os embarques da matéria-prima totalizaram 5,576 milhões de toneladas, com alta de apenas 1% frente ao verificado no mesmo intervalo de 2010.
Conforme a Bracelpa, em receitas, as exportações da indústria brasileira de celulose e papel cresceram 8,8% de janeiro a agosto, para US$ 4,8 bilhões. Desse total, US$ 3,3 bilhões correspondem às vendas de celulose no exterior.
Já a produção de celulose manteve-se estável no acumulado do ano até agosto, em 9,344 milhões de toneladas. “Com volume de 6,5 milhões de toneladas, a produção de papel também permanece no mesmo patamar do ano anterior”, informa a entidade.
As vendas domésticas de papel cresceram 5% em agosto ante julho, para 459 mil toneladas. No acumulado dos oito meses, o volume de papel comercializado internamente recuou 1,7%, para 3,435 milhões de toneladas, com destaque para os segmentos de imprimir e escrever e de papel-cartão.
“Como já avaliado nos últimos meses pela Bracelpa, esse resultado tem sido causado, principalmente, pelo aumento das importações desses produtos, nos quais incide a imunidade de impostos quando são destinados à produção de livros, jornais e revistas”, informa a entidade.
As importações de papel cresceram 8% em agosto, na comparação com o registrado em julho, para 122 mil toneladas. Frente a agosto do ano passado, houve recuo de 8,3%. No acumulado dos oito meses do ano, o crescimento é de 2,6%, para 1,009 milhão de toneladas.
(Stella Fontes | Valor)
Responder com Quote
  #8  
Velho 06-10-2011, 12:53
Luca$Garrido Luca$Garrido encontra-se desligado
Novato
 
About:
Data de Adesão: Oct 2011
Mensagens: 15
Por Defeito SP

SP tem 10 áreas críticas de contaminação
Interditado por alta concentração de gás metano, Shopping Center Norte é apenas uma de dez regiões contaminadas do estado de SP que oferecem riscos à população
Vanessa Barbosa, de
ORLANDO BRITO

Áreas contaminadas de SP já abrigaram indústrias químicas e metalúrgicas, cujos resíduos não receberam tratamento adequado
São Paulo – Construído na década de 80 sobre um antigo lixão, o Shopping Center Norte enfrenta as consequências de um tratamento inadequado dos resíduos que se acumularam alí. A região do centro comercial, entretanto, é apenas uma de dez áreas do estado de São Paulo em situação de contaminação crítica, segundo a Cetesb, a agência ligada à Secretaria do Meio Ambiente e responsável pela fiscalização, monitoramento e licenciamento ambiental.

Na lista negra, que o órgão ambiental monitora de perto, aparecem, além do shopping, as seguintes regiões: Condomínio Residencial Barão de Mauá; Jardim das Oliveiras, em São Bernardo; Aterros industriais Mantovani e Cetrin; Bairro de Jurubatuba, em Santo Amaro; Bairro de Vila Carioca, no Ipiranga; Mansões de Santo Antônio, em Campinas; Indústrias Reunidas Matarazzo, em São Caetano do Sul; Conjunto Cohab, em Cachoeirinha; Conjunto Cohab, em Heliópolis.
Boa parte dessas áreas já abrigaram indústrias químicas e metalúrgicas, cujos resíduos se acumularam no solo sem receber tratamento adequado. Os riscos para a população local são grandes. Uma das situações mais preocupantes é a do Condomínio Residencial Barão de Mauá, na Grande São Paulo, erguido sobre um antigo lixão industrial.Onze anos atrás, um funcionário que fazia a manutenção de uma caixa de água subterrânea morreu vítima de uma explosão no subsolo, que tinha alta concentração de gases tóxicos.
Em laudo técnico, a Cetesb encontrou cerca de 40 tipos de gases tóxicos na região, entre eles o gás metano, também presente no Center Norte, e benzeno que, ao ser absorvido por via oral, através da ingestão de água, cutânea ou inalação, pode gerar alergias e afetar o sistema nervoso central.
Na ocasião, o órgão ambiental aplicou penalidade de multa à empresa SQG Empreendimento e Construções Ltda., responsável pela construção dos edifícios, e exigiu a adoção de ações de monitoramento, identificação, caracterização e remediação do solo e águas subterrâneas.
Em setembro a agência considerou necessária a remoção dos moradores de 11 edifícios do condomínio, após classificar como “insatisfatórios” os estudos apresentados pela empresa de amortecedores Cofap, dona do terreno aterrado com resíduos industriais.
Ocupação irregular

Outro foco de atenção é o Jardim das Oliveiras, região de ocupação irregular que abriga cerca de 800 famílias no município de São Bernardo do Campo. A área vem sendo monitorada pela Cetesb desde 2001, por estar situada sobre um antigo lixão de resíduos industriais do início dos anos 90.
Seu solo e águas subterrâneas têm concentrações de metais como cobre, chumbo, zinco, níquel, arsênio e cromo acima dos níveis considerados seguros, além de compostos orgânicos. Segundo um levantamento realizado ano passado pelo jornal Estado de São Paulo, cerca de 17 mil pessoas vivem em casas construídas sobre lixões desativados.
Responder com Quote
  #9  
Velho 06-10-2011, 12:54
Luca$Garrido Luca$Garrido encontra-se desligado
Novato
 
About:
Data de Adesão: Oct 2011
Mensagens: 15
Por Defeito Integração

Integração societária Net, Claro e Embratel é passo futuro
Por Talita Moreira | Valor
SÃO PAULO – Apesar da iniciativa de lançar uma oferta combinando serviços da Claro, da Embratel e da Net, a integração societária dessas companhias ainda está em estudo e deve levar alguns meses.
As três companhias têm como acionista a América Móvil, que por sua vez é controlada pelo bilionário mexicano Carlos Slim. Hoje, as operadoras anunciaram uma parceria comercial para oferecer um pacote de serviços e revelaram que estão implementando unificando suas plataformas tecnológicas. Num evento à imprensa, executivos das empresas sinalizaram que o processo está em curso, mas disseram que o tema cabe aos acionistas.
O presidente da Embratel, José Formoso, afirmou que a operadora planeja apresentar à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), nos próximos dias, o pedido de anuência prévia para assumir o controle da Net.
“(A integração societária) é um assunto novo e está em processo”, disse o executivo. Porém, a transferência do controle da Net ainda depende do trâmite na Anatel e Formoso evitou estipular um prazo para que isso aconteça.
A Embratel detém, atualmente, 49% das ações ordinárias da Net e tem a opção de compra do controle, que hoje pertence às Organizações Globo. A mudança será possível por conta da aprovação, em agosto, do projeto de lei 116, que estabelece novas regras para o setor de TV por assinatura. Nesse processo, a Globo permanecerá como acionista da Net, mas a posição majoritária será dos mexicanos.
Embora tenham sinalizado que uma integração societária está a caminho, os executivos da Net, da Claro e da Embratel evitaram dar detalhes sobre o processo na apresentação que fizeram hoje à imprensa para lançar um pacote multisserviços em parceria.
“Essa é uma parceria comercial. As três são empresas altamente focadas em seus segmentos e, portanto, complementares. Quanto a uma eventual fusão, fica para o futuro”, afirmou o presidente da Net, José Félix. “Quando chegar a hora correta, os acionistas deverão pensar no assunto. Mas isso é com os acionistas.”
Segundo o presidente da Embratel, não está definido se as três companhias vão se juntar em um único CNPJ. “Não é o único modelo possível”, observou.
(Talita Moreira | Valor)
Responder com Quote
  #10  
Velho 06-10-2011, 12:54
Luca$Garrido Luca$Garrido encontra-se desligado
Novato
 
About:
Data de Adesão: Oct 2011
Mensagens: 15
Por Defeito FMI

FMI recomenda que América Latina corte juros se crise se agravar
Por Carolina Oms | Valor
SÃO PAULO - A desaceleração da economia mundial vai resultar em uma "piora modesta" das condições nos países que mais crescem na América Latina em 2011 e 2012, de acordo com relatório regional do Fundo Monetário Internacional (FMI). O Fundo recomenda que a política monetária seja a primeira estratégia de defesa caso a crise se intensifique.
Os bancos centrais de alguns países latino-americanos, entre eles o brasileiro, interromperam a elevação das taxas de juros. O FMI, no entanto, só recomenda essa opção em países onde “as expectativas inflacionárias estão ancoradas”.
De acordo com o Fundo, a região deve crescer 4,5% em 2011 e 4% em 2012. Ainda que a desaceleração nas economias desenvolvidas tenha um efeito moderado na maioria dos países, o FMI vê riscos amplos se aproximando.
Uma desaceleração mais acentuada na Ásia poderia atingir os preços das commodities, com impacto significativo sobre esses países, segundo o relatório.
(Carolina Oms | Valor)
Responder com Quote
Responder

« Anterior | Seguinte »


Opções

Regras de Criação de Mensagens
não pode criar novos tópicos
não pode enviar respostas às mensagens
não pode adicionar ficheiros em anexo
não pode editar as suas mensagens
O Código vB está On
Smiles estão On
Código da [IMG] é On
Código HTML é Desligado
Ir Para o Fórum:

Tópicos Semelhantes
Tópico Início de Novo Tópico Fórum Respostas Última Mensagem
Lehman Brothers cai quase 42% mas a Bolsa de NY fecha em alta Crashh Fórum Geral 3 12-09-2008 01:06


Todas horas estão no fuso horário GMT. A hora actual é 22:23.

Largura do Site:


Copyright@1998-2021 - BolsaPT.com, todos os direitos reservados.
Fórum de Bolsa Cotações de Bolsa Notícias de Bolsa Chat de Bolsa Disclaimer Recursos para Webmasters